Parceria - 10/07/2020 | Por:

Cummins anuncia joint-venture com a NPROXX para armazenamento de hidrogênio


A Cummins Inc., líder global em soluções de tecnologia e de energia, fez um acordo para formar uma joint-venture com a NPROXX, líder em armazenamento e transporte de hidrogênio, para tanques de acondicionamento deste elemento químico. A joint-venture continuará com o nome NPROXX.

“Estamos entusiasmados por combinar a experiência, a inovação e o compromisso da Cummins para o sucesso do cliente com as principais tecnologias de armazenamento de hidrogênio da NPROXX”, diz Tom Linebarger, presidente e CEO da Cummins Inc.

Ainda de acordo com o CEO, “para evoluir em direção a um futuro descarbonizado, o mundo exigirá várias soluções de energia, incluindo Diesel avançado, gás natural, eletrificação, células de combustível, híbridos etc., e a Cummins está comprometida em liderar o caminho e ser o fornecedor número 1. A adição de armazenamento de hidrogênio às nossas capacidades existentes na produção deste elemento químico e células de combustível nos permite acelerar a viabilidade e adoção dessas tecnologias nos diversos mercados”.

A joint-venture é uma das várias ações tomadas no ano passado pela Cummins para aprofundar os recursos da empresa em tecnologias de produção de células de combustível e hidrogênio. Além disso, fornecerá aos clientes produtos de armazenamento de hidrogênio e gás natural comprimido para aplicações em rodovias e ferrovias e contribuir para o rápido crescimento da capacidade de hidrogênio da Cummins.

A aquisição da Hydrogenics Corporation em setembro de 2019 forneceu à Cummins membranas de troca de prótons (PEM) e células de combustível para gerar hidrogênio. A Cummins também investiu na LOOP Energy, assinou um memorando de entendimento com a Hyundai Motor Company e investiu no desenvolvimento de células de combustível de óxido sólido.

“A Cummins tem mais de 2 mil instalações de células de combustível em uma variedade de aplicações dentro e fora da estrada, além de mais de 500 instalações de eletrolisadores. Seguimos aumentando nossas capacidades em tecnologias de células de combustível, e essa parceria com a NPROXX é outro passo adiante. Estamos ansiosos por fazer uma parceria estreita com eles, enquanto trabalhamos para fechar esta transação”, continua Linebarger.

“A equipe da NPROXX está entusiasmada para trabalhar com a Cummins para oferecer as melhores opções de armazenamento de hidrogênio. A parceria permitirá que nossos clientes desfrutem de todo o potencial que o hidrogênio é capaz de oferecer”, afirma Rainer vor dem Esche, diretor administrativo da NPROXX.

A Cummins e a NPROXX terão 50% de participação cada na joint venture. A formação da empresa está sujeita a aprovações regulatórias e outras condições. As partes esperam que a transação seja concluída até o final do primeiro trimestre de 2021. Os resultados não consolidados da joint venture serão incluídos como parte do segmento de negócios New Power da Cummins.